A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_get_iv_size() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 320

A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_create_iv() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 321

A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_encrypt() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 322

Biota | Fapesp - Araçá | Módulo 11 - Modelagem Ecológica

Módulo 11 - Modelagem Ecológica


modulo11.jpg
Projetos
Artigos

MODELAGEM ECOLÓGICA DA BAÍA DO ARAÇÁ: RESULTADOS PRELIMINARES

Ronaldo Angelini1; Riguel Feltrin Contente2

1 Departamento de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); 2 Instituto Oceanográfico, Universidade de São Paulo (IOUSP)

E-mail: ronangelini@gmail.com

O modelo trófico da Baía do Araçá será construído, com o Ecopath-Ecosim (EwE)  para descrever o fluxo de biomassa e energia entre os componentes bióticos do sistema (mais o componente detritos) e, assim, permitir se investigar o efeito de potenciais mudanças ambientais, incluindo derivada da ampliação portuária e da pesca no ecossistema. O modelo contará com o banco de dados que está sendo formado pelo estudo detalhado dos distintos compartimentos (e.g. fitoplâncton, zooplâncton, microfitobentos, bentos, nécton e pesca) por meio de amostragens espacialmenteacuradas, fato que minimiza incorporações de informações da literatura, elevando, assim, a acurácia e preditibilidade do modelo. No momento, diversos dados ecológicos (biomassa e/ou produtividade) ainda estão sendo obtidos em campo, além de organizados e sistematizados em banco de dados específicos. Em relação aos peixes, os compartimentos do modelo trófico estão sendo divididos conforme abundância e hábito alimentar. As espécies que formam componentes únicos, pois totalizaram mais de 95% da biomassa total da ictiofauna, são: Mugil curema (onívoro) Eucinostomus argenteus (bentívoro) Diapterus rhombeus (bentívoro), Pomadasys corvinaeformis (bentívoro), Harengula clupeola (planctívoro) e Sardinella brasiliensis (planctívoro). As demais espécies menos abundantes foram agrupadas nos seguintes compartimentos: herbívoros, onívoros, onívoros-carnívoros, piscívoros e invertívoros bentônicos. Os compartimentos dos demais módulos serão construídos e, subsequentemente, dar-se-á prosseguimento à construção do modelo trófico da baía. 

topo da página