A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_get_iv_size() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 320

A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_create_iv() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 321

A PHP Error was encountered

Severity: 8192

Message: Function mcrypt_encrypt() is deprecated

Filename: libraries/Encrypt.php

Line Number: 322

Biota | Fapesp - Araçá | Módulo 3 - Sistema Bentônico

Módulo 3 - Sistema Bentônico


b688572cf8495471.jpg
Projetos
Artigos


SISTEMA BENTÔNICO DA BAIA DO ARAÇÁ: FUNDOS NÃO CONSOLIDADOS E CONSOLIDADOS 

O sistema bentônico, como parte do conjunto de ambientes marinhos, tem papel fundamental no funcionamento do ecossistema como um todo, uma vez que os substratos representam o registro dos processos que ocorrem na coluna d'água e das condições hidrográficas que atuam em uma determinada região. Na Baia do Araçá o sistema bentônico abrange grande diversidade de ambientes de fundo consolidado (costões rochosos) e não consolidados (manguezais, praias, uma ampla planície que contempla uma extensa região entremarés e um sublitoral raso, além da área de entorno com 5-20 m de profundidade). Fundos não consolidados: com objetivo de descrever e quantificar as comunidades e associações da macrofauna e meiofauna, como também a distribuição da biomassa microfitobentônica e a estrutura e funcionamento da alça microbiana da baia, foram avaliados parâmetros ambientais como temperatura, salinidade, concentração de oxigênio dissolvido, granulometria, metais e contaminantes orgânicos, os quais desempenham um importante papel controlador da diversidade, abundância e distribuição dos organismos bentônicos. A macrofauna do entremarés foi amostrada de Setembro/2011 a Setembro/2013 e os demais organismos de Outubro/2012 a Setembro/2013. No entremarésforam identificados 148 táxons macrofaunais e no sublitoral 160 táxons incluindo apenas poliquetas, moluscos e equinodermos. Os núcleos de manguezais suportam uma comunidade com alta densidade e riqueza de espécies. Quanto a meiofauna, a abundância oscilou entre 87 e 4.247 indivíduos por ponto amostral. Quanto ao microfitobentos, os valores médios de biomassa variaram entre 75,6 e 79,1 mg.m-2 (outono/2013) e 96,1 e 121,1 mg.m-2 (inverno/2013) para clorofila-a e feopigmentos, respectivamente; de um modo geral a maior biomassa foi encontrada para a região entremarés. Os resultados das análises microbianas mostraram a existência de uma microbiota rica composta de bactérias heterotróficas, cianobactérias e nanoheterótrofos. Fundos consolidados: a diversidade está sendo caracterizada em costões rochosos, alga Bostrychietum sp. e pneumatóforos. Até o momento, foram identificados 191 morfoespécies de organismos bentônicos associados a esses substratos, sendo, Nematoda o filo com o maior número de espécies e os costões caracterizados por uma zonação bem definida. Considerando todos os sistemas amostrados, um total de 936 táxons foram identificados para a Baia do Araçá e entorno, destes 647 são bentônicos, dos quais 142 são novos registros para a baía, dentre estes mais de 15 espécies meiofaunais são novas para a ciência. Esse resultado sugere uma alta riqueza e a complexa distribuição das espécies resulta da interação com os diferentes tipos de substratos e profundidade. Esse número deve aumentar uma vez que não foram concluídas as identificações de grupos com grande diversidade como crustáceos, moluscos e poliquetas.


METODOLOGIA

Procedimento de coleta:

O desenho amostral foi o mesmo para as coletas dos parâmetros abióticos e bióticos.

A amostragem foi trimestral:

Pré-Biota – Setembro/2011, Fevereiro, Maio e Julho/2012

Biota – Outubro/2012-Setembro/2014

FUNDO NÃO CONSOLIDADO

Parâmetros abióticos: obtidos em cada estação de coleta georreferenciada (GPS)

Entremarés (praias e planície)

Sublitoral (interno e externo)

Temperatura

Termômetro digital

CT’s

Salinidade

Refratômetro

CT’s

Correntes e ondas

----

ADCT

Granulometria, carbono orgânico e metais

Cilindro (3,5 diam. x 20 cm prof.), 1 amostra/estação

Cilindro (3,5 diam. x 20 cm prof.), 1 amostra/estação

Contaminantes orgânicos

1 amostra (100 ml)/estação

1 amostra (100 ml)/estação

Parâmetros bióticos: obtidos em cada estação de coleta georreferenciada (GPS)

Entremarés

Sublitoral

Macrofauna

Pré-Biota: cilindro 20x20 cm prof.,
3 amostras/estação,
34 estações. Total de 102 amostras /ano.
Triagem (malha de 1,0-0,3 mm)

----

Biota: cilindro 10x20 cm prof.,
4 amostras/estação
17 estações. Total de 272 amostras/ano.
Triagem (malha 1,0-0,3 mm)

Multicorer: 10x20 cm prof.,
4 amostras/estação
20 estações. Total 320 amostras/ano.

van Veen: 1 amostra/estação. Total 80 arrastos/ano
5-8 dragagens/período. 

Meiofauna

Cilindro 2,5x5 cm prof.,
1 amostra/estação. Total 80 amostras/ano
Triagem: decantação (malha 0,045 cm) e lupa

Cilindro 2,5x5 cm prof.,
1 amostra/estação. Total 80 amostras/ano
Triagem: decantação (malha 0,045 cm) e lupa

Microfitobentos

Cilindro 2x1 cm prof.,
5 amostras/estação. Total 340 amostras/ano.

Cilindro 2x1 cm prof.,
5 amostras/estação. Total 340 amostras/ano.

Microganismos

1 amostra de sedimento (20 g)

1 amostra de sedimento (20 g)

Toxidade

2 litros de sedimento

2 litros de sedimento

Manguezal 

2 coletas, verão e inverno
3 transectos com 8 estações cada 

cilindro 10x20 cm prof.
1 amostra/estação. Total de 144 amostras/ano

----

FUNDO CONSOLIDADO

Entremarés (costões e substratos biológicos)

Macrofauna e
Meiofauna

- Busca ativa

- Área de cobertura e biomassa: 60 parcelas de 10x10 cm dispostos aleatoriamente na franja supralitoral, médio litoral e franja infralitoral. Cada parcela é fotografada e analisada no programa CPCe

- Fauna associada a substratos biológicos

- 4 amostras de um mesmo substrato (próximos), estruturalmente diferentes, CIP e pneumatóforos

- Delimitadas 12 áreas de 10x10 cm, CIP em níveis de complexidade de substrato.

- Triagem: decantação (malha 0,045 cm) e lupa




1. Equipe de pesquisa:

Coordenação

Antonia Cecilia Zacagnini Amaral 
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP).
Atividade: Oceanografia biológica; Biodiversidade bentônica marinha.

1.1 FUNDO INCONSOLIDADO: entremarés, manguezal e sublitoral

Pesquisadores Colaboradores

Ronaldo Cristofoletti
Instituição: Instituto do Mar - Santos, Universidade Federal de São Paulo 
Projeto: Avaliação da assembleia de decápodes associada à pesca artesanal na Baía do Araçá, São Sebastião, SP. (Anexo M3 – I pág...)


Fabiano Copetti Temistocles Menezes
Instituição: Instituto do Mar - Santos, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP - Santos)
Atividade: Avaliação da assembleia de decápodes associada à pesca artesanal na Baía do Araçá, São Sebastião, SP.


Eduardo Hajdu 
Instituição: Museu Nacional – Universidade Federal do Rio de Janeiro (MN/UFRJ)
Atividade: Taxonomia de Porifera


Alvaro Esteves Migotto
Instituição: Centro de Biologia Marinha da Universidade de São Paulo (CEBIMar/USP)
Atividade: Taxonomia de Cnidaria


Leandro Manzoni Vieira
Instituição: Museu Nacional – Universidade Federal do Rio de Janeiro (MN/UFRJ)
Atividade: Taxonomia de Briozoa


Luis Ricardo Lopes Simone
Instituição: Museu de Zoologia da USP (MZUSP) 
Atividade: Taxonomia de Mollusca (Polyplacophora, Gastropoda, Scaphopoda)


Flavio Dias Passos
Instituição: Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de Mollusca (Bivalvia)


Eliane Pintor de Arruda
Instituição: Instituto de Biologia – Universidade Estadual de São Carlos (UFSCar)
Atividade: Taxonomia de Mollusca (Bivalvia)


João Miguel de Matos Nogueira
Instituição: Instituto de Biologia (IBUSP)
Atividade: Taxonomia de Polychaeta 


Marcos Tavares
Instituição: Museu de Zoologia da USP (MZUSP)
Atividade: Taxonomia de Crustacea (Decapoda)

     

Fosca Pedini Pereira Leite
Instituição: IB/UNICAMP 
Atividade: Taxonomia de Crustacea (Isopoda)


Silvana G.L. Siqueira
Instituição: Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de Crustacea 


Jose Marian
Instituição: Instituto de Biologia (IBUSP)
Atividade: Taxonomia de Mollusca (Cephalopoda)


Tatiana Menchini Steiner
Instituição: Museu de Zoologia da Universidade Estadual de Campinas (ZUEC/UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de Polychaeta


Marcelo Veronesi Fukuda 
Instituição: Instituto de Biologia (IBUSP)
Atividade: Taxonomia de Polychaeta 


Michela Borges
Instituição: Museu de Zoologia da Universidade Estadual de Campinas (ZUEC/UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de Echinodermata


Orlemir Carrerette dos Santos
Instituição: Instituto de Biologia (IBUSP)
Atividade: Taxonomia de Polychaeta 


Fabrizio Marcondes Machado
Instituição: Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de Bivalvia


Mestrado


Deborah Gallego Gallo                            
Instituição: Centro de Biologia Marinha da Universidade de São Paulo (CEBIMar/USP)
Bolsa: CAPES
Orientador: Aurea Maria Ciotti e Ronaldo Adriano Christofoletti
Projeto Efeito de despejo de efluentes sobre biofilme e lapas em costões rochosos subtropicais. (Anexo M3 – II pág...)


Mariana F. Costa
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Biologia Animal
Bolsa: não possui 
Orientador: Fosca P.P. Leite
Projeto: Distribuição e diversidade da fauna de Peracarida (Crustacea) da Baia do Araçá, Litoral Norte do Estado de São Paulo, com ênfase na biologia reprodutiva do tanaidáceo Monokalliapseudes schubarti (Mañe-Garzon, 1949). (Anexo M3 – III pág...)


Marilia Nagata Ragagnin
Instituição: IOUSP - Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Biológica
Bolsa: FAPESP
Orientador: Alexander Turra
Projeto: Efeitos da acidificação oceânica e sombreamento sobre o crescimento, calcificação do exoesqueleto e comportamento de ermitões. (Anexo M3 – IV pág...) 


Rafael Kenji Murayama
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: Fapesp
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral
Projeto: Comportamento alimentar e dieta de espécies de poliqueta Scolelepis em praias do Canal de São Sebastião. (Anexo M3 – V pág...) 


Thalita de Oliveira Forroni
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: não possui 
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral
Projeto: Caracterização da macrofauna bentônica na Praia da Enseada, Caraguatatuba, Litoral Norte do Estado de São Paulo. (Anexo M3 – VI pág...)


Renata Alitto
Instituição: Museu de Zoologia, Universidade Estadual de Campinas (ZUEC/UNICAMP)- Programa de Pós-graduação em Biologia Animal 
Bolsa: CAPES
Orientador: Michela Borges
Projeto: Biodiversidade dos Echinodermata da Baía do Araçá, São Sebastião, SP. (Anexo M3 – VII pág...)


Renato Franciosi Luchetti
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: não possui
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral 
Projeto: Macrofauna bentônica do Manguezal da baía do Araçá. (Anexo M3 – VIII pág...) 


Doutorado

Camila Fernanda da Silva
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: CAPES
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral
Projeto: Biodiversidade - poliquetas capitelídeos. (Anexo M3 – IX pág...)

Guilherme Nascimento Corte
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: FAPESP 
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral
Projeto: Ecologia da macrofauna bentônica entremarés da Baía do Araçá. (Anexo M3 – X pág...)

Hélio Hermínio Checon
Instituição: Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (IB/UNICAMP) - Programa de Pós-graduação em Ecologia
Bolsa: CAPES
Orientador: Antonia Cecilia Zacagnini Amaral
Projeto: O sistema Baía do Araçá – caracterização biótica e abiótica do sublitoral e suas relações na estruturação da comunidade. (Anexo M3 – XI pág...)

Paola Franzan Sanches
Instituição: IOUSP - Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Biológica
Bolsa: CAPES
Orientador: Alexander Turra
Projeto: Avaliação da conectividade de manguezais utilizando modelos biológicos com diferentes capacidades de dispersão larval. O papel da Baía do Araçá. (Anexo M3 – XII pág...)


1.2. FUNDO CONSOLIDADO: Costão rochoso e substratos biológicos


Gustavo Muniz Dias
Instituição: Centro de Ciências Naturais e Humanas, Universidade Federal do ABC (UFABC)
Atividade: Desenho amostral e processamento de informações do substrato consolidado 


Pesquisadores colaboradores


Fabiane Gallucci
Instituição: Instituto do Mar- Santos, Universidade Federal de São Paulo.
Atividade: Taxonomia de meiofauna e avaliação da comunidade associada a substratos biológicos.


Gustavo Fonseca
Instituição: Instituto do Mar- Santos, Universidade Federal de São Paulo.
Atividade: Taxonomia de meiofauna e avaliação da comunidade associada a substratos biológicos.


Maikon di Domenico
Instituição: Departamento de Biologia Animal, Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Atividade: Taxonomia de meiofauna


Marcelo Veronesi Fukuda
Instituição: Departamento de Zoologia, Instituto de Biologia, Universidade de São Paulo (USP)
Atividade: Taxonomia de Polychaeta


Ronaldo Adriano Christofoletti 
Instituição: Instituto do Mar- Santos, Universidade Federal de São Paulo.
Atividade: Desenho amostral e avaliação da estrutura populacional de cracas do entremarés

Iniciação Científica


Heloísa Romeu Filgueiras Nível 
Instituição: Universidade Federal do ABC (UFABC)
Bolsa: Bolsa institucional UFABC
Orientador: Gustavo Muniz Dias
Projeto: Como o tipo de substrato afeta a estrutura da comunidade fital? (Anexo M3 – XIII pág...)


Mestrado


André Luiz Pardal Souza 
Instituição: Universidade Federal do ABC (UFABC)
Bolsa: FAPESP
Orientador: Gustavo Muniz Dias
Projeto: Influência do sombreamento sobre a comunidade biológica de costões rochosos subtropicais. (Anexo M3 – XIV, pág...)


Karina Kitazawa de Souza Santos 
Instituição: Universidade Federal do ABC (UFABC)
Bolsa: Programa de pós-graduação UFABC
Orientador: Gustavo Muniz Dias
Projeto: Variação temporal e espacial da disponibilidade larval no plâncton e sua influência sobre o assentamento de duas espécies de organismos incrustantes da Baia do Araçá, São Sebastião – SP. (Anexo M3 – XV, pág...)


3. MICROFITOBENTOS


Eduinetty Ceci Pereira Moreira de Sousa 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo
Atividade: 


Claudia Camila Minei 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo 
Atividade:


Cristiano de Salles Almeida 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo
Atividade: 


Jéssica Batista dos Santos 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo 
Atividade:


Leticia Pires Zaroni 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo 
Atividade:


Marcia Regina Gasparro 
Instituição: Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo 
Atividade:


4. MEIOFAUNA


Gustavo Fonseca
Instituição: Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo (IMar-Unifesp)
Atividade: Estudo das comunidades meiofaunais


Danilo C. Vieira
Instituição: Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo (IMar-Unifesp)
Atividade: Estudo das comunidades meiofaunais.


Fabiane Gallucci 
Instituição: Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo (IMar-Unifesp)
Atividade: Estudo das comunidades meiofaunais


5. MICROBIOLOGIA


Ana Julia Fernandes Cardoso de Oliveira
Instituição: UNESP – Campus do Litoral Paulista
Atividade: Coordenadora - Ecologia de Microrganismos Marinhos 


Mestrado


Bruna Del Busso Zampieri
Instituição: UNESP – Campus do Litoral Paulista
Bolsa: CAPES
Orientadora: Ana Julia Fernandes Cardoso de Oliveira
Projeto: Ocorrência e distribuição de bactérias resistentes a metias pesados isoladas de sedimentos da Baía do Araça, São Sebastião (SP). (Anexo M3 – XVI, pág...)


Mirella Massoneto
Instituição: 
Bolsa: 
Orientadora: 
Projeto: 


Vanessa da Costa Andrade
Instituição: 
Bolsa: 
Orientadora: 
Projeto: 


topo da página